O presidente Luiz Inácio Lula da Silva e o ministro do Desenvolvimento Agrário, Miguel Rosseto, divulgarão no próximo dia 10 o novo Sistema de Proteção da Agricultura Familiar. O anúncio foi feito hoje pelo secretário Nacional de Agricultura Familiar, do Ministério do Desenvolvimento Agrário, Valter Bianchini. Ele confirmou que o Conselho Monetário aprovou, na semana passada, as bases do programa de seguro ao agricultor familiar.

O sistema se somará ao Plano Garantia-Safra, que garantirá renda aos agricultores familiares que eventualmente perderem a safra por problemas climáticos, e também ao Proagro, que é um financiamento para a manutenção familiar.

?O agricultor vai ter direito a assegurar a sua dívida no banco e mais uma porcentagem da renda, que nós estamos chamando de Renda Manutenção-Familiar. Isso resolverá os problemas dessas intempéries climáticas que prejudicam a agricultura?, explicou.

Segundo Bianchini, além de poder honrar integralmente sua dívida com os bancos, o agricultor familiar poderá garantir parte da renda que ele planejou para manter a família até a safra seguinte.