O presidente Luiz Inácio Lula da Silva destacou hoje, em seu programa semanal de rádio, a importância da integração dos países da América do Sul. Ele disse que, na prática, a população é beneficiada por essa integração, que representa maior comércio entre os países e se transforma em ciclo virtuoso. "Cada vez que a gente exporta um pouco mais, somos obrigados a produzir mais, produzindo mais aqui vamos ter mais empregos, mais salário, vamos poder comprar mais no comércio, o comércio vai fazer mais pedidos para as fábricas, as fábricas vão contratar mais gente e vender mais", afirmou.

Lula lembrou que hoje o Brasil exporta para o mundo um total de R$ 111 bilhões e que as exportações para a América do Sul aumentaram 98,4% nos últimos 30 meses. Ele lembrou ainda que o Ministério do Trabalho anunciou que nos últimos 33 meses foram criados 3,38 milhões de empregos com carteira assinada.

A integração sul-americana e a contrução de estradas e hidrovias ligando os países da região serão discutidos na Cúpula da América do Sul, que ocorre em Brasília quinta (26) e sexta-feira (27).