O presidente Luiz Inácio Lula da Silva chegou ao Aeroporto de Congonhas para inaugurar as obras de ampliação da sala de embarque e quatro pontes de embarque do aeroporto. O presidente chegou acompanhado da primeira-dama, Marisa Letícia, e dos ministros Patrus Ananias (Desenvolvimento Social), Fernando Hadad (Educação), Luiz Marinho (Trabalho) e Matilde Ribeiro (Secretaria Especial de Políticas de Promoção da Igualdade Racial), do senador Eduardo Suplicy (PT-SP) e o líder do governo na Câmara, deputado Arlindo Chinaglia (PT-SP).

Participam também do evento o presidente da Infraero, Carlos Wilson, o prefeito de São Paulo, José Serra (PSDB), o secretário estadual de Transportes Metropolitanos de São Paulo, Jurandir Fernandes, o secretário municipal de Transportes, Frederico Bussinger, e o vice-prefeito da capital paulista, Gilberto Kassab, entre outras personalidades.

Além dessas obras, está prevista uma nova etapa de modernização do aeroporto, com a entrega de um edifício-garagem, que aumentará a capacidade de estacionamento das atuais 1.200vagas para 3.400 vagas, sendo 2.550 cobertas e 850 não-cobertas.

O presidente da Infraero destacou que as obras de Congonhas fazem parte de um amplo plano de investimentos da Infraero para dotar o País de uma moderna infra-estrutura aeroportuária, incrementando as relações comerciais e o turismo.

O governo federal já investiu na melhoria dos aeroportos brasileiros cerca de R$ 1 bilhão em 19 obras. Deste total, foram aplicados R$ 460 milhões neste ano. As obras em Congonhas contam também com a parceira da Prefeitura de São Paulo.