O presidente Luiz Inácio Lula da Silva inaugura obras de modernização do Aeroporto Internacional de Congonhas às 9h30 em São Paulo. Com nova estrutura, a sala de embarque ganha mais 2.200 metros quadrados de espaço e quatro novas pontes de embarque, que devem ser colocadas em operação hoje pela Empresa Brasileira de Infra-estrutura Aeroportuária (Infraero).

Logo após a cerimônia em que estará presente o ministro da Educação, Fernando Haddad, Lula segue para Osasco (SP) onde, no fim da manhã, participa da entrega de cartões do programa Bolsa Família. O evento, comemorativo de 8 milhões e 700 mil famílias atendidas pelo programa em 2005, será no Ginásio de Esportes Professor José Liberatti. O ministro do Desenvolvimento Social e Combate à Fome (MDS), Patrus Ananias, acompanha a solenidade.

À tarde, depois de um almoço privado no escritório regional da Presidência, Lula visita as instalações da Cooperativa dos Catadores Autônomos de Papel, Apara e Materiais Recicláveis (Coopamare). Esta é a terceira vez que ele vai ao local para encontro com catadores e moradores de rua. O ministro Patrus Ananias, que também participa da reunião, prevista para as 16 horas, vai anunciar a assinatura de convênios com seis prefeituras e duas organizações não-governamentais para a implementação de projetos de inclusão produtiva destinados a populações de rua. Somente em São Paulo, de acordo com estimativas do MDS, existem 10.394 homens e mulheres vivendo nas ruas da cidade.