O presidente Luiz Inácio Lula da Silva sanciona, daqui a pouco, no Palácio do Planalto, a Lei de Modernização do Futebol e o Estatuto de Defesa do Torcedor. As medidas têm como objetivo dar início ao processo de moralização do futebol brasileiro no Governo Lula. A Medida Provisória 79, que será sancionada pelo presidente, transforma os clubes de futebol em empresas – embora a adesão seja facultativa – mas obriga os clubes a prestarem contas de seus balanços financeiros. Já o Estatuto do Futebol estabelece uma série de direitos aos torcedores brasileiros, que vão desde a venda de ingressos numerados nos estádios, até a inspeção da qualidade dos alimentos vendidos nos estádios.