A procuradora da República Marcela Moraes Peixoto assume no próximo dia 13 as funções de Procuradora-Chefe da República no Paraná, em substituição ao procurador Mário José Gisi, que chefiou o Ministério Público Federal (MPF) no estado nos últimos quatro anos.

A designação da nova procuradora, assinada pelo procurador-geral da República Geraldo Brindeiro, foi publicada no Diário Oficial da União da última sexta-feira. Escolhida pelos próprios colegas procuradores, ela será a primeira mulher a assumir a chefia da Procuradoria da República no Paraná.

Nascida em Maringá e formada em Direito pela Universidade Federal do Paraná, Marcela Moraes Peixoto foi procuradora do Estado do Paraná (de 1989 a 1995) e ingressou no Ministério Público Federal em junho de 1995, sendo designada para a Procuradoria da República em Foz do Iguaçu. Em Curitiba, para onde foi transferida em 1996, atuou na área criminal e foi procuradora-chefe substituta nos últimos quatro anos. Atualmente, exerce a função de Procuradora Regional dos Direitos do Cidadão.

O MPF conta com 30 procuradores da República no Paraná, sendo 18 em Curitiba e 12 no Interior do Estado (circunscrições judiciárias de Londrina, Maringá, Foz do Iguaçu, Cascavel, Umuarama e Guarapuava). O Procurador-Geral da República deve nomear, nos próximos meses, três novos procuradores para o Paraná.