Aproximadamente 2 milhões de professores de educação infantil e da primeira à quarta série do ensino fundamental da rede pública poderão concorrer ao prêmio Professores do Brasil. Os candidatos têm até o dia 2 de setembro para enviar trabalhos sobre experiência como profissional concluída em 2004 ou que esteja em andamento.

Promovido pelo Ministério da Educação, em parceria com o Conselho Nacional dos Secretários de Educação (Consed), União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação (Undime) e fundações Bunge e Orsa, o Professores do Brasil unifica os antigos prêmios Incentivo à Educação Fundamental e Qualidade na Educação Infantil.

"O novo prêmio reflete a política do MEC de não elaborar ações educativas que impliquem rupturas entre a educação infantil e fundamental", disse Sueli Teixeira Melo, da Secretaria de Educação Básica (SEB/MEC). "Não queremos que as crianças e os alunos sintam diferenças em seu processo de escolaridade."

Serão premiados dez professores da educação infantil e dez da primeira à quarta séries. Cada um vai receber R$ 5 mil, além de passagem e hospedagem em Brasília para a cerimônia de entrega, de acordo com o cronograma do concurso, que pode ser visto na internet, no endereço: .

Os trabalhos vencedores serão apresentados no Primeiro Seminário Professores do Brasil, em Brasília, no dia anterior à entrega dos prêmios. Mais informações pelos telefones (61) 2104-8640, 2104-8616 e 0800-616161.