O Estado do Paraná contará com mais R$ 1,5 milhão para programa Compra Direta, além dos R$ 1,5 milhão já investidos este ano. A afirmação foi feita pelo ministro do Desenvolvimento Social, Patrus Ananias, durante sua visita à região de Francisco Beltrão nesta quinta-feira.

O secretário do Trabalho, Emprego e Promoção Social, padre Roque Zimmermann, também esteve na região e, junto do ministro, ouviu a avaliação que a população fez dos programas sociais.

Outros R$ 3,5 milhões foram solicitados ainda para o Compra Direta para atender a demanda do Paraná e o recurso já está sinalizado caso haja suplementação de verbas no final do ano. ?A demanda está sendo constantemente aumentada. Isso só mostra o interesse dos pequenos agricultores e nosso em investir em geração de trabalho e renda?, afirma o secretário.

Ainda para Roque Zimmermann, a população menos favorecida que é diretamente atendida pelos programas mostrou estar satisfeita. ?O Bolsa Família e o Compra Direta são os programas que mais se destacam entre a população?, assegura padre Roque. ?Nossas ações não são coisas vistosas, mas está se investindo bastante na qualidade de vida das famílias mais simples?, disse.

Compra Direta

O Programa Federal é uma das ações do governo para a segurança alimentar. A verba repassada para os Estados é aplicada na compra da produção de pequenos agricultores e, esses alimentos, distribuídos para entidades sociais instaladas em comunidades carentes. Para ter mais informações sobre o Compra Direta e saber como participar é só acessar o site: www.setp.pr.gov.br, no link Segurança Alimentar.