São Paulo ? A previsão de geração de novos empregos formais para este ano, dentro da Consolidação das Leis Trabalhistas (CLT) é de 1.250.000 novas vagas, informou hoje (22) em São Paulo o ministro do Trabalho e Emprego, Luiz Marinho.

"Nós tivemos no ano passado, pelo Caged (Cadastro Geral de Empregos do ministério), um saldo positivo de 1 milhão e 523 mil. Este ano devemos ter um saldo positivo de 1 milhão e 250 mil, mais ou menos", afirma.

"No processo de crescimento de empregos nós temos uma média, pelo Caged, de 108 mil novos empregos a cada a mês, comparado ao governo anterior de 8.312. Eles não gostam muito dessa comparação, mas é importante a população saber disso", disse. "Projetamos para o ano que vem um crescimento maior do que o crescimento de 2005, parecido com o crescimento de 2004, dado o momento em que estamos, de redução dos juros."

O ministro Luiz Marinho falou à imprensa após participar de cerimônia do Dia Nacional do Doador de Sangue, da Fundação Pró-Sangue do Estado de São Paulo, no posto do conjunto da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.