O motorista de um Fiat Uno que viajava em direção a Belo Horizonte, em Minas Gerais, foi surpreendido por um carro que seguia no sentido oposto. Os dois veículos bateram de frente. O sargento da Base Aérea Júlio César Tourino Constantino, de 36 anos, morreu na hora. A mulher e a filha dele tiveram ferimentos leves.

Segundo a polícia, o motorista do Verona, Osvaldo Ferreira dos Santos, estava bêbado e invadiu a pista contrária. Ele estava sozinho no carro e teve ferimentos na perna. Santos passou a noite em observação no Pronto-Socorro de Lagoa Santa, mas já recebeu alta. Segundo a Polícia Civil (PC), ele prestou depoimento na delegacia da cidade e foi liberado. O veículo e a carteira de habilitação foram apreendidos. Um inquérito foi aberto para investigar o acidente.