O clima de inconformismo tomou as ruas de Curitiba, na noite desta segunda-feira (17), no 3º Ato em Apoio ao Movimento Nacional contra o Aumento da Passagem. O protesto reuniu milhares de pessoas insatisfeitas, não só com o reajuste da tarifa de ônibus, mas com a corrupção, a violência e o baixo salário dos professores, a PEC-37, a violência da polícia nos protestos de São Paulo e os gastos com a Copa do Mundo.

Leia a matéria completa