Tudo evolui e o homem não faz exceção. O espírito necessita do aprimoramento do corpo e da alma para evoluir, adquirir experiências. Quem imaginaria um troglodita interessado nas chaves filosóficas do Universo, em compor uma sinfonia, em discutir o melhor sistema para o aprimoramento da civilização? Por esta lei, podemos esperar maravilhas do homem no futuro.

A lei de carma

É lei de Retribuição ou Ação e Reação. É indissociável das leis de Evolução e Carma. Presta-se a estabelecer justiça, visa a evolução, não a punição. Pode ser que alguém que produza sofrimento a outrem reencarne na posição inversa, mas não por castigo, porém para assimilar a experiência. Como na “escola da vida”, quem não aprende pela consciência aprende pela insistência, ou, se não pelo amor, pela dor. A doutrina do Carma explica porque alguns nascem com grandes aptidões e são afortunados, enquanto outros só deparam limitações e reveses na vida. Alguém poderia imaginar um Deus justo, como se espera da Suprema Lei, sem a concepção do Carma? Seria como um pai perverso que criasse filhos imperfeitos para entreter a sua eternidade em castigá-los.

A doutrina dos avataras

Não seria justo que o Enviado, o Messias viesse apenas num certo momento da História e para um único povo. Moisés, Buda, Cristo e todos os outros são aspectos da mesma Essência. Nenhum é melhor do que os outros, mas têm características correspondentes às civilizações onde se manifestaram. Eles surgem no fim de um ciclo evolutivo para o início de outro, como um modelo ideal para a humanidade. Nenhum veio para fundar uma religião. Jesus chamou de “Casa de meu Pai” à sinagoga, pois era fiel à religião judaica. Ocorre que as pessoas esperam um Messias falando a mesma linguagem do anterior e até vestindo suas roupas. Mas assim não haveria evolução. Disso resulta Seu choque com o sistema, inclusive com as religiões que pregam em seu antigo nome, e o sacrifício sempre renovado em cada surgimento. Isso a Eubiose pretende evitar para o próximo, preparando as pessoas para o Seu advento.

Esses conceitos, e muito mais, serão desdobrados no curso, abrindo um vasto e cativante campo de entendimento do homem e do universo.

Coluna Eubiótica – Uma publicação da Sociedade Brasileira da eubiose. Rua Deputado Joaquim Linhares de Lacerda, 71. Seminário / 80240-560 / (41) 342-6439 – Curitiba-PR.