Políticos e líderes tribais do Paquistão e do Afeganistão concordaram em negociar com o Taleban para acabar com a insurgência nos dois países. A decisão, endossada pelos dois governos, consta em declaração divulgada hoje após dois dias de reuniões. O ex-ministro de Relações Exteriores do Afeganistão Abdullah Abdullah disse que comitês serão formados em breve para estabelecer “contatos” com os grupos insurgentes. Segundo Abdullah, a intenção é fazer com que os grupos aceitem a supremacia das Constituições de Paquistão e Afeganistão.