O presidente iraniano, Mahmoud Ahmadinejad, afirmou ontem que as últimas sanções adotadas contra o Irã por causa de seu programa nuclear são “patéticas” e advertiu as potências mundiais de que lamentarão suas ameaças.

Ele afirmou que as medidas não afetarão a economia iraniana nem impedirão o Irã de assumir um maior papel nas questões mundiais. “Sabem que há um leão adormecido no Irã que está despertando e, se ele despertar, as relações no mundo mudarão”, afirmou.