A Alemanha informou que vai ajudar a destruir o estoque de armas químicas da Síria, como parte dos esforços internacionais de livrar o país das matérias-primas para produzir esse tipo de agente.

 

Em comunicado divulgado nesta quinta-feira, o governo alemão disse que especialistas que trabalham num local próximo a Hamburgo vão destruir os subprodutos criados quando os agentes químicos foram destruídos, o que deve acontecer a bordo de um navio, em alto-mar.

 

A ministra da Defesa Ursula von der Leyen disse que as substâncias serão queimadas numa instalação do governo localizada em Münster, a pedido da Organização para a Proibição de Armas Químicas (Opaq).

A primeira parte dos agentes químicos foi colocada a bordo de um cargueiro dinamarquês no porto sírio de Latakia na terça-feira, para seguir para águas internacionais. Fonte: Associated Press.