Um grupo de apoiadores do presidente Donald Trump entrou em confronto na tarde desta quarta-feira (6) com as forças de segurança que protegem o Congresso dos Estados Unidos.

Por isso, partes do prédio “conhecido como Capitólio” tiveram que ser esvaziadas de maneira emergencial. Membros da imprensa também foram retirados do local.

Imagens nas redes sociais mostram agentes usando escudos para impedir que a multidão invadisse o Congresso. Não está claro ainda se alguém ficou ferido no confronto ou se algum manifestante conseguiu entrar na sede do Legislativo.

A parte do Congresso onde ficam os plenários da Câmara e do Senado não foi afetada e continua funcionando normalmente. As duas Casas estão atualmente em sessão, debatendo a ratificação da vitória de Joe Biden na eleição presidencial. É justamente por esse processo que os apoiadores de Trump fizeram um ato em Washington nesta quarta, para protestar contra a vitória do democrata.

No evento, o próprio republicano pediu que os manifestantes marchassem até o Congresso para pressionar pacificamente deputados e senadores a não confirmarem a vitória de Biden.