A polícia espanhola matou cinco suspeitos de perpetrar os atentados em Barcelona e no balneário de Cambrils. As autoridades também anunciaram a prisão de uma quarta pessoa na manhã desta sexta-feira, acusada de envolvimento nos ataques que matam 14 pessoas e deixaram mais de 100 feridos.

Segundo o Itamaraty, não há vítimas brasileiras. O governo da Catalunha confirmou que há conexão entre os ataques em Barcelona e Cambrils. O Estado Islâmico reivindicou a autoria dos ataques.

Após atentados em Barcelona, polícia prende quatro e mata cinco suspeitos em Cambrils
Foto: Emilio Morenatti/Associated Press/Estadão Conteúdo

O confronto da polícia com os suspeitos aconteceu no balneário de Cambrils. Cinco homens avançaram sobre um veículo da equipe policial, na noite de quinta-feira. Eles chegaram a ferir seis pessoas, sendo uma em estado grave. A polícia revidou e matou os suspeitos.

Segundo a polícia, os homens usavam cintos que, mais tarde, constatou-se que eram falsos cinturões explosivos. Até então, acreditava-se que o plano era provocar uma explosão após o atropelamento em Cambrils.

Vídeo mostra a devastação após o primeiro ataque. Atenção: as imagens são fortes!