A Assembleia Nacional da Venezuela autorizou o presidente do país, Hugo Chávez, a viajar novamente para Cuba para submeter-se à segunda fase do tratamento de quimioterapia iniciado em território cubano em meados deste ano.

Chávez, de 57 anos, foi operado em junho para a retirada de um tumor na região pélvica e em julho se submeteu ao primeiro ciclo de um tratamento quimioterápico em Cuba. O presidente do congresso venezuelano, Fernando Soto Rojas, anunciou que a maioria dos deputados autorizou Chávez a sair do país por tempo indefinido. As informações são da Associated Press.