Os seis tripulantes da estação espacial internacional (ISS, na sigla em inglês) foram forçados hoje a deixar o local e seguirem para a espaçonave de resgate Soyuz, por causa de entulho espacial que se aproximava rapidamente, informou a agência russa Interfax. “O lixo espacial foi detectado muito tarde para uma manobra”, explicou a agência, citando uma fonte não identificada do setor espacial russo.

“Os seis tripulantes da ISS receberam instruções para se transferir para os veículos da Soyuz”, acrescentou a fonte. Um funcionário do controle espacial russo afirmou por telefone que esses incidentes já ocorreram antes e não representam uma emergência. “Se isso for verdade, eles serão seguidos pelo procedimento normal para esvaziar a estação se necessário”, afirmou uma porta-voz do controle da missão. “Esta não é uma operação de emergência. Eles têm instruções estabelecidas para isso”, explicou.

Não está ainda claro quando o lixo espacial deve se aproximar da estação, nem quando precisamente ele foi detectado. A tripulação é formada por três russos, dois norte-americanos e um japonês. Em março de 2009, três tripulantes tiveram de deixar por um curto período a estação espacial pelo mesmo motivo. As informações são da Dow Jones.