Homens armados invadiram e abriram fogo contra uma mesquita nas proximidades de Islamabad durante as tradicionais orações islâmicas de sexta-feira, deixando 35 mortos e 70 feridos, disse uma fonte nos serviços secretos paquistaneses.

Rao Iqbal, comandante da polícia de Rawalpindi, cidade irmã da capital paquistanesa, afirmou que o ataque desencadeou um tiroteio. Antes de invadir a mesquita, os homens armados promoveram um atentado contra um posto de controle militar em Rawalpindi.