Dois carros-bomba foram detonados em áreas comerciais movimentadas na capital iraquiana, matando pelo menos 15 civis nesta segunda-feira, segundo funcionários do país. Uma autoridade médica confirmou o número de vítimas. As fontes pediram anonimato, por não estarem autorizadas a divulgar informação.

O ataque mais mortífero ocorreu na noite de hoje (hora local), quando um carro-bomba explodiu em uma rua comercial em Mansour, distrito na zona oeste de Bagdá, matando oito pessoas e ferindo outras 25. As forças de segurança isolaram a área, geralmente lotada de compradores à noite.

Pelo menos 20 carros pegaram fogo na explosão, enquanto várias lojas e restaurantes tiveram danos. Mais cedo, outro carro-bomba explodiu em Bagdá, no distrito de Bayaa, perto de um escritório de uma imobiliária onde dezenas de pessoas se reúnem diariamente. Uma fonte policial disse que essa explosão matou sete pessoas e deixou pelo menos 16 feridas.

Até o momento, nenhum grupo reivindicou a autoria dos ataques. A capital iraquiana tem sido palco de ataques quase diários, enquanto as forças de segurança lutam para desalojar o Estado Islâmico de grandes áreas no norte e oeste do Iraque tomadas pelos extremistas. Fonte: Associated Press.