Supostos guerrilheiros das Forças Armadas Revolucionárias da Colômbia (Farc) atacaram um comboio policial que escoltava um prefeito no nordeste colombiano, matando quatro policiais e ferindo outros dois, informaram autoridades. O ataque ocorreu por volta das 8h30 (horário local) nos arredores de Arauquita, no departamento (Estado) de Arauca, 400 quilômetros a nordeste de Bogotá.

O subcomandante da polícia departamental, coronel Marlon Granados, disse que o comboio de 26 policiais escoltava um ônibus que levava o prefeito de Arauquita, Francisco Vargas, e quatro vereadores para um povoado próximo. Segundo o subcomandante, guerrilheiros detonaram uma bomba na passagem do comboio e depois atacaram os policiais com fuzis. Nem o prefeito nem os vereadores ficaram feridos.