Dois barcos que transportavam imigrantes clandestinos afundaram nesta sexta-feira (28) em um rio que separa a Turquia da Grécia, matando pelo menos uma pessoa e deixando várias desaparecidas, informou a agência estatal turca de notícias, a Anatólia. Os barcos afundaram no rio Meric, chamado de Evros pelos gregos.

Sete imigrantes conseguiram nadar até a margem turca, onde foram detidos pela polícia paramilitar. Um corpo boiou até a margem turca. Os sobreviventes disseram que 20 pessoas estavam nos barcos e que alguns conseguiram nadar até a margem grega do rio. Todos os sobreviventes e o morto eram da Geórgia, país no Cáucaso.