Uma bomba explodiu hoje dentro do prédio principal de uma corte na cidade de Tessalonica, no norte da Grécia. O artefato explodiu dentro de um banheiro do edifício, que abriga vários tribunais e estava funcionando no momento do incidente. “O explosivo gerou uma detonação poderosa”, contou uma fonte da polícia local. Não há até o momento informações sobre feridos.

No entanto, um advogado, Babis Apostolides, disse que um homem ficou com ferimentos leves, segundo a agência de notícias Associated Press. Já a fonte da polícia informou que o jornal grego Eleftherotypia e a emissora de televisão Alter receberam informações anônimas antes do ataque, mas o prédio não havia sido totalmente esvaziado quando houve a explosão.

Os mesmos veículos de comunicação foram alertados pouco antes de uma explosão ocorrida no fim do dia de ontem, em frente a uma prisão perto de Atenas. Uma mulher ficou levemente ferida. Não há informações sobre a autoria do atentado. Na Grécia atuam vários grupos militantes radicais, que aumentaram seus ataques nos últimos anos.

Além disso, o país vive um clima de instabilidade social, em meio a vários protestos e greves de trabalhadores contra um plano de austeridade anunciado pelo governo. A administração grega pretende cortar gastos e reformar o sistema previdenciário para conter seu déficit orçamentário. As medidas são contrapartidas por um pacote de ajuda de 110 bilhões de euros aprovado pela União Europeia (UE) e pelo Fundo Monetário Internacional (FMI) para o país. As informações são da Dow Jones.