O general brasileiro Floriano Peixoto Vieira Neto conseguiu retornar a Porto Príncipe na tarde de hoje e já reassumiu o posto de comandante militar da Missão de Paz da Organização das Nações Unidas (ONU) no Haiti. A informação sobre o retorno dele foi confirmada por telefone à Agência Estado por militares do batalhão brasileiro no Haiti.

O general Floriano Peixoto, a quem caberá a tarefa de comandar as buscas às milhares de vítimas do terremoto de ontem, estava na sede da ONU, em Nova York, quando ocorreu a tragédia.

Enquanto o oficial brasileiro não conseguia retornar ao Haiti, por causa do fechamento do aeroporto da capital do país, o comando da missão militar estava interinamente nas mãos do general chileno Ricardo Toro. Floriano Peixoto desembarcou no meio da tarde em Porto Príncipe, de acordo com militares do batalhão brasileiro.