O presidente dos Estados Unidos, George W. Bush, pressionou os congressistas norte-americanos a aprovarem este ano acordo de livre comércio com a Colômbia. Bush disse que está enviando legislação sobre o assunto ao Congresso, o que obriga os parlamentares a votarem a questão dentro de 90 dias.

"O Congresso precisa ir adiante com o acordo com a Colômbia e precisa aprová-lo o mais rápido possível", disse o presidente. Ele reiterou a visão de que, para a Casa Branca, o acordo é uma prioridade econômica e de segurança nacional, que entre outras coisas abrirá possibilidade de crescimento para os EUA neste momento de desaceleração econômica.