Seção para divulgar e popularizar charadas e enigmas. Os trabalhos sem informe de fonte ou crédito de autoria, são obras do redator. As parciais que se referem a termos de acepção diferente do enunciado, estão entre aspas; entre asteriscos, quando prefixos ou sufixos. Parciais e conceitos são grafados em maiúsculas.

57 – LOGOGRIFO EM PROSA

OPINIÃO DE VALOR

A charada é o passatempo que instrui e diverte. Decifrar charadas é conhecer todas as COISAS (7-5-6-1-2-9-10-9), porque em tudo há um enigma e em tudo se ?REQUER? (8-10-5-4-1-10) uma explicação. Por amor das charadas e dos logogrifos, aprendi a geografia, as cinco ?PARTES? (8-10-9-3-2-9) do mundo, os HOMENS (3-10-1-10-9) célebres, a mitologia e outros mistérios, para que foram elas os meus SEGUROS (6-1-7-9-4-9) mistagogos. Nesse aprendizado, em cada minuto como que ganhava um PRÊMIO, decifrando e descobrindo. JOÃO RIBEIRO (historiador, filólogo e educador brasileiro)

AFERÉTICAS (ABC, BC)

58 – Era um homem comum, mas que se tornava IMPORTUNO por se julgar muito IMPORTANTE. (5,4)

59 – Julgava-se um EMPRESÁRIO de sucesso, mas os concorrentes o tinham como bajulador da ELITE. (3,2)

60 – Para SATISFAZER sua namorada, fingia não TER CIÚME. (3,2)

61 – Juntou RIQUEZA como empresário de um GRUPO MUSICAL ORGANIZADO POR ESTUDANTES. (3,2)

62 – É o amante ideal: APAIXONADO e LINDO. (3,2)

63 – OFERTA todo o seu amor à DEUSA de seu coração. (3,2)

64 – O prêmio para o vencedor da PELEJA era um POTE cheio de moedas de ouro. (3,2)

65 – Na MISÉRIA em que vive grande parcela do povo brasileiro, cesta básica é DÁDIVA divina. (3,2)

66 – LOGOGRIFO EM PROSA

 ?O? LIBÉLULA

Veio substituir o RIDICULARIZADO (14-3-4-1-2-5-8-2-12-16) Sucatão; coisa de MILIONÁRIO (7-2-15-14-15-16), nos detalhes mínimos em total ?ACORDO? (1-9-7-1-8-4-3-11) com as exigências do ELEGANTE (4-5-6-7-8-14-10-11) usuário.

Ao custo de uma boa PORÇÃO (15-16-1-2-10-11) de dólares, comprando com o APOIO MORAL (2-3-4-5) da corte GRÃ-FINA (15-14-1-2-7-4) conduzida por um assessor ?CANHOTO? (12-13-14-15-16).

Sem ?RISCO?(5-6-7-8-14) de erro, vão colocar-lhe um apelido e como LOUCO (10-11-13-12-9) palpite proponho LIBÉLULA. (16 L)

METAMORFOSEADAS (5,4 = abcde, abcme)

67 – Meu PATRÃO renovou seu empréstimo bancário mediante HIPOTECA de sua casa. (6,1)

68 – Apresentar-se ENFEITADO não significa ser ELEGANTE. (8,5)

69 – Para aumentar suas vendas a empresa procura INVENTAR um novo tipo de máquinas para SECAR roupas. (8,5)

70 – Para ENRIQUECER e manter os depósitos em poupança é preciso ROBUSTECER os rendimentos mensais. (7,5)

71 – Sociedade sadia deve fazer firme OPOSIÇÃO a qualquer forma de TORPEZA. (7,1)

72 – Goze com sabedoria a tua ?JUVENTUDE?, fase a SEPARAR a infância inocente da maturidade experiente. (5,5)

73 – Estando entre intelectuais, jamais faça MENÇÃO de qualquer coisa que possa parecer CRENDICE. (6,2)

74 – APERTAR COM CORDA o pescoço do suspeito, não é a maneira correta de INVESTIGAR qualquer crime. (8,1)

PROTÉTICAS (AB, CAB)

75 – No interior do MOSTEIRO CUJOS HABITANTES VIVIAM EM CELAS SEPARADAS, DENTRO DE UM SÓ MURO, apenas se ouvia o murmúrio de uma monótona ?ORAÇÃO?. (2,3)

76 – COMPREENDA minha posição; não posso admitir ?BIRRA? ou a menor zanga em minha festa. (2,3)

77 – No Brasil, quando os jornais DIVULGAM um direito adquirido por outros, dizemos que é PRIVILÉGIO que nos foi negado. (2,3)

78 – Raciocine com vagar e SUTILEZA e verá que chegar à frente é DIFERENTE de passar os outros para trás. (2,3)

79 – Dançou todas as modinhas,

Na noite do ARRASTA-PÉ;

Pulou e deu mil voltinhas

Nos braços do CABURÉ. (2,3)

80 – A VIDA RELIGIOSA dos franciscanos jamais foi motivo de qualquer DISCUSSÃO. (2,3)

81 – CABEÇA de GRÃ-FINO só abriga piolho nobre. (2,3)

82 – O regime para emagrecer mostrou-se uma LUTA inglória, pois continuava GORDA, CHEIA DE CARNES. (2,3)

83 – Todo MEXERICO é PERNICIOSO. (2,3)

84 – Na criação Deus ASSUME ARES, de modéstia, fazendo toda a beleza feminina de uma simples ?COSTELA??. Que faria usando alcatra ou filé? (2,3)

85 – EXCELENTE para o comércio em geral é o GASTO da clientela com as compras natalinas. (2,3)

SOLUÇÕES: 57 – recompensa; 58 – impertinente / pertinente; 59 – magnata / nata; 60 – saciar / ciar; 61 – fortuna / tuna; 62 – lírico / rico; 63 – dádiva / diva; 64 – batalha / talha; 65 – desgraça / graça; 66 – cavalinho do diabo; 67 – senhor / penhor; 68 – alindado / alinhado; 69 – engenhar / engelhar; 70 – enricar / enrijar; 71 – objeção / abjeção; 72 – abril / abrir; 73 – alusão / abusão; 74 – inquerir / inquirir; 75 – lavra / palavra; 76 – veja / cerveja; 77 – dão / condão; 78 – verso / reverso; 79 – fuzo / cafuzo; 80 – batina / sabatina; 81 – tola / cartola; 82 – liça / roliça; 83 – dito / maldito; 84 – posa /esposa; 85 – sumo / consumo.

Críticas, sugestões e colaborações, com nome e endereço completos para fins de cadastro (válido o uso de pseudônimo na publicação), devem ser remetidas para a Rua João Tschannerl, 800; Jardim Mercês, Curitiba/PR – CEP 80820-010. Os trabalhos, publicados ou não, serão propriedade deste jornal.