Cerca de 200 pessoas estão desaparecidas depois do desabamento de um hotel popular na capital do Haiti em consequência do forte terremoto na cidade. A informação foi dada pelo secretário de Estado para Cooperação da França, Alain Joyandet, à rádio Europe I.

“Estou falando do Hotel Montana, onde ficam turistas e cidadãos franceses que trabalham no Haiti”, afirmou Joyandet. “Sabemos que havia 300 pessoas no hotel quando ele desabou; somente cerca de 100 saíram.”

Em Manila, um diplomata filipino informou que as equipes de resgate tinham retirado “vários corpos” e sobreviventes feridos da sede da missão das Nações Unidas para a manutenção da paz no Haiti. Elmer Cato, porta-voz da missão das Filipinas nas Nações Unidas, disse à TV local que a embaixada estava em contato com os funcionários da ONU para se informar sobre os trabalhos de resgate. As informações são da Dow Jones.