O Chile divulgou nesta semana imagens de 1.200 corpos descobertos no Instituto Médico Legal de Iquique, que podem ser da Matança da Escola Santa Maria. O episódio é considerado um dos protestos mais trágicos vividos pelos trabalhadores chilenos.

No dia 21 de dezembro de 1907, foram assassinados a mando do governo de Pedro Montt mais de 3.00 trabalhadores do salitre – a maioria peruanos e bolivianos.

Eles estavam em greve por melhores salários e para que se mudasse o sistema de pagamento de vales para dinheiro.