Os Estados Unidos reconheceram nesta quarta-feira (20) que as tropas russas começaram a se retirar da Geórgia. O porta-voz do Conselho Nacional de Segurança, Gordon Johndroe, afirmou que Washington constatou “primeiros sinais de alguma retirada”.

A retirada russa da Geórgia começou na terça-feira. Johndroe deu as declarações a bordo do avião presidencial, o Força Aérea Um, no qual o presidente George W. Bush seguia do Texas para um discurso a veteranos de guerra na Flórida.

Para Johndroe, porém, a retirada da Rússia ainda não é significativa e precisa ser ampliada. Segundo o funcionário, os Estados Unidos não concordam com as declarações do ministro de Relações Exteriores da Rússia, Serguei Lavrov. Para este, os Estados Unidos e todos os países devem escolher entre a Rússia e a Geórgia. As informações são da Associated Press.