Os Estados Unidos anunciaram neste domingo que irão retirar em outubro seu sistema de mísseis Patriot da fronteira da Turquia com a Síria. De acordo com o anúncio, as unidades de defesa antiaérea podem ser reposicionadas em uma semana caso seja necessário. Além disso, navios da marinha norte-americana continuarão presentes no Mediterrâneo para dar apoio à Turquia.

Estados Unidos, Alemanha e outros países posicionaram as baterias antiaéreas na Turquia em 2013, depois que bombas lançadas da Síria atingiram o país.

Ontem, a Alemanha disse que retirará cerca de 250 soldados estacionados na Turquia no ano que vem, quando termina sua missão de defesa antiaérea no país. Segundo a Alemanha, a maior ameaça na região vem do grupo Estado Islâmico, que não possui mísseis. Fonte: Associated Press.