Os Estados Unidos realizaram ontem ataques aéreos no leste da Líbia que tinham como alvo o líder da Al-Qaeda Mokhtar BelMokhtar. O líder do grupo terrorista é apontado como o responsável pela morte de pelo menos 35 reféns, incluindo três norte-americanos, em campo de exploração de gás na Argélia, em 2013.

Segundo o governo da Líbia, BelMokhtar e vários outros foram mortos nos ataques, que ocorreram na cidade de Ajdabiya.

Autoridades dos EUA disseram que ainda estavam avaliando os resultados da operação. Segundo o porta-voz do Pentágono, coronel Steve Warren, os militares acreditam que o ataque foi bem sucedido e atingiu o alvo.

Em 2013, BelMokhtar foi acusado de terrorismo pelos EUA por sua suposta ligação com a morte dos reféns na Argélia. Segundo autoridades, ele ainda era uma ameaça aos EUA e aos interesses ocidentais. Fonte: Associated Press.