As preparações para acabar com o vazamento de petróleo no Golfo do México estão sendo retomadas neste domingo, à medida que mais navios retornam ao local após terem sido afastados por uma tempestade tropical, afirmou hoje o principal funcionário norte-americano que supervisiona o trabalho, o almirante da reserva Thad Allen, da Guarda Costeira.

Segundo ele, os trabalhos num segundo poço para conter o vazamento, bem como no fechamento do poço de Macondo, foram atrasados em pelo menos sete dias por causa da tempestade tropical Bonnie, que perdeu força ontem. Allen disse que esta semana será de “preparações, para garantir que tudo esteja pronto, então na primeira semana de agosto é quando tentaremos a técnica de ‘static kill’ para fechar o poço”, afirmou.

O poço de Macondo deverá ser fechado com cimento e lama. Allen disse que o poço secundário será fechado logo após a operação e que navios na superfície estarão prontos para armazenar 80 mil barris de petróleo por dia, se a operação não funcionar. “Nós precisamos de alternativas para esses sistemas”, disse Allen. As informações são da Dow Jones.