Três pessoas morreram por causa da explosão de uma caldeira numa casa de banho para mulheres situada na região central de Tóquio, informou o Corpo de Bombeiros da capital japonesa. Mais três pessoas ficaram feridas.

A casa de banho foi totalmente destruída. Apenas sua estrutura metálica ficou em pé. Duas pessoas morreram na hora, sendo pelo menos uma mulher, e uma terceira não resistiu aos ferimentos depois de ter sido socorrida pelos bombeiros. Das três pessoas feridas, pelo menos uma passava pela rua e foi atingida por estilhaços espalhados pela explosão da caldeira.

A explosão ocorrida na tarde de hoje, pelo horário local, foi provocada pelo mau funcionamento da caldeira no anexo da popular casa de banho "Shiespa", disse o oficial de polícia Junko Tada. A edificação principal do imóvel não foi danificada, mas está sendo inspecionada por autoridades locais. Cerca de 150 agentes de resgate trabalham no local da explosão e, com a ajuda de cães farejadores, tentam localizar outras pessoas que possam estar sob os escombros, disse Junko Asasaka, do Corpo de Bombeiros.