A polícia e o partido de oposição na Geórgia dizem que uma explosão fora da sede do partido, na capital do país, matou um vizinho. O estouro perto do prédio do Partido Trabalhista ocorreu antes do amanhecer, neste domingo, no centro de Tibilisi.

A porta-voz do partido, Keti Dolidze, disse que a vítima, uma mulher na faixa de 50 anos de idade, vivia na casa do outro lado da rua em frente ao partido. Dolidze também afirmou que a explosão quebrou janelas e trincou paredes no escritório do partido.

A polícia afirmou que abriu uma investigação para apurar o caso. O Partido Trabalhista, oposição ao presidente da Geórgia, Mikhail Saakashvili, tem seis cadeiras das 150 do parlamento. As informações são da Associated Press.