O FBI irá investigar o para-brisas e a parte da frente do trem da Amtrak que descarrilou nesta semana, após a tripulação dizer que ele poderia ter sido atingido por um projétil, informou o Conselho de Segurança e Transporte Nacional dos Estados Unidos nesta sexta-feira.

Membro do conselho, Robert Sumwalt disse que a informação surgiu quando investigadores entrevistaram três dos tripulantes do trem, incluindo o engenheiro Brandon Bostian, o condutor. Bostian “cooperou muito”, mas não se lembrava de nada depois de passar pela estação North Philadelphia, disse Sumwalt.

Oito pessoas morreram e mais de 200 se feriram na terça-feira, quando o trem descarrilou. A composição estava a mais que o dobro da velocidade permitida, ao ser aproximar de uma curva fechada, quando descarrilou. Investigadores querem descobrir como o trem acelerou bastante, em pouco mais de um minuto antes do acidente. Fonte: Dow Jones Newswires.