O governo da Síria afirmou na noite desta sexta-feira que esmagou a rebelião na cidade de Hama, com a televisão estatal mostrando ruínas de prédios fumegantes e ruas com escombros. Sob um cerco sufocante há dias, os moradores dizem que suprimentos médicos estão em falta e alimentos apodrecem porque Hama está há seis dias sem eletricidade. A cidade, com 800 mil habitantes, está sob cerco das tropas do governo sírio há seis dias. As informações são da Associated Press.