O fluxo de saída de depósitos dos bancos gregos chegou a 1,85 bilhão de euros em três dias, com o ritmo diário de retiradas aumentando fortemente devido à incerteza sobre o futuro do país, informou uma autoridade grega do setor.

“A contagem da semana até agora mostra que as saídas alcançaram entre 1,75 bilhão de euros e 1,85 bilhão de euros. Hoje ficou acima da marca de 800 milhões de euros”, comentou a fonte.

As retiradas de hoje representam uma disparada no ritmo recente de saídas diárias, que até então tinha como pico o patamar de 500 milhões de euros. Ainda hoje, o Banco Central Europeu (BCE) deverá decidir se elevará o limite de empréstimos para bancos gregos por meio de seu programa de emergência. Fonte: Dow Jones Newswires.