Membros da guarda nacional ucraniana abriram fogo contra uma multidão reunida em frente à Câmara dos Vereadores de Krasnoarmeisk, em Donetsk. Um representante dos separatistas desta região no leste da Ucrânia afirma que há vítimas.

Os disparos em Krasnoarmeisk ocorreram horas depois de dezenas de guardas nacionais ucranianos terem interrompido na cidade a votação do referendo sobre a soberania da região.

Citado pela agência de notícias Itar-Tass, o líder separatista Denis Pushilin assegurou que havia mortos, mas não informou números detalhados. Um fotógrafo da Associated Press em Krasnoarmeisk afirmou ter visto pelo menos duas pessoas caídas no chão sem se mover. Fonte: Associated Press.