Uma autoridade do governo dos Estados Unidos disse que a secretária de Estado Hillary Clinton ligou para o primeiro-ministro de Israel, Benjamin Netanyahu, para reclamar asperamente sobre o novo programa de construção de casas de israelenses em Jerusalém Oriental.

O funcionário do governo disse que Hillary falou com Netanyahu nesta sexta-feira “para enviar uma forte mensagem relacionada aos eventos da última semana”. Ela disse esperar que Israel tome ações para melhorar as perspectivas de relançar as conversações de paz com os palestinos. A autoridade falou em condição de anonimato, em razão da natureza do telefonema.

O anúncio de Israel pegou os Estados Unidos de surpresa e ofuscou a visita do vice-presidente Joe Biden, que condenou a medida, que também irritou os palestinos e os países árabes, ameaçando as conversações de paz indiretas que serão mediadas pelo enviado dos norte-americano George Mitchell.