O presidente da França, François Hollande, afirmou que os credores podem conseguir rapidamente um novo acordo de resgate para a Grécia se a população grega votar “sim” no plebiscito de domingo.

Em viagem ao Benin, Hollande declarou que “as consequências não são as mesmas se o resultado for ‘sim’ ou ‘não’. Se for o ‘sim’, mesmo baseado nas propostas que já expiraram, as negociações podem ser retomadas e, imagino, concluídas rapidamente. Estamos no meio de algo incerto”, comentou.

No plebiscito de domingo, os gregos votarão se aceitam ou não uma série de medidas de austeridade proposta pelos credores internacionais em troca do resgate. As medidas são relacionadas ao acordo proposto para o programa de resgate da Grécia que expirou. Mesmo assim, o voto irá indicar qual a posição da população grega em relação ao acordo com os credores. O governo incentiva a população para votar “não”. Fonte: Associated Press.