Um homem armado abriu fogo na entrada da sede do jornal francês Libération, em Paris, realizou disparos e feriu gravemente um assistente de fotógrafo antes de fugir.

O diário informou que a vítima, de 27 anos, está em estado grave. Fabrice Rousselot, editor do Libération, informou que testemunhas do episódio disseram que o homem não disse nada durante o breve período de tempo em que esteve na entrada do escritório, na manhã desta segunda-feira.

Yoann Maras, do sindicato policial Aliança, disse que o homem atirou com uma espingarda e feriu a vítima no peito e no braço. Segundo a emissora de televisão BFM-TV, as autoridades comparam imagens de circuitos de segurança gravadas nesta segunda-feira com outras, feitas na sexta-feira, quando um homem armado ameaçou jornalistas na sede do canal e também fugiu. Fonte: Associated Press.