Um grupo decidiu comprar uma ilha para criar seu próprio país. Tudo começou em 2018, quando Marshall Meyer fundou uma vaquinha online, intitulada “Let’s Buy an Island” (vamos comprar uma ilha, em português), e em dezembro de 2019 conseguiu escolher o território.

LEIA TAMBÉM:

>> Brasil confirma dois casos de Deltacron, a nova variante da covid-19

>> Tartaruga resgatada com lixo no estômago volta ao mar no Paraná após quase dois meses

>> Operação contra esquema de lavagem de dinheiro em apartamentos de luxo tem alvos no Paraná

Em março deste ano, Meyer conseguiu inaugurar o Principado da Islândia, em uma compra de cerca de US$ 180 mil, o que equivale a aproximadamente R$ 900 mil. A vaquinha já conta com mais de 100 investidores, e antes da compra, totalizou um montante de 250 mil libras, cerca de R$ 1,6 milhão, segundo o site Morning Express.

O território escolhido foi a ilha caribenha de Coffee Caye, que fica a 15 minutos de barco da costa de Belize. “Aquela sensação de pisar em uma ilha em que você investiu, de que é dono, é uma sensação incrível”, disse Meyer, que se intitulou Sua Alteza Real, Príncipe Regente da ilha, em entrevista a CNN.

Ver essa foto no Instagram

Uma publicação compartilhada por Let’s Buy an Island (@letsbuyanisland)

O território conta com 350 “cidadãos”. Ao lado de sua parceria, a Muito Honorável Primeira-Ministra Jodie Hill, Meyer ainda declarou o dia da proclamação, sendo 11 de fevereiro de 2018, antes mesmo da compra da ilha.

“Nós planejamos usar nossa ilha paradisíaca para avançar nossos ideais de democracia, inclusão e sustentabilidade”, diz o site da vaquinha. A ideia é que o principado seja administrado pelo grupo de investidores e “ministros voluntários”, apontados pelos membros que compraram cotas do território.

Cada cota custou cerca de US$ 3.250 (cerca de R$ 16 mil), e cada investidor tem direito a um voto no parlamento do país, mesmo que compre várias cotas. Meyer ainda explicou a revista Travel and Leisure que apesar de se portar como uma “micronação”, a ilha deve se encaixar na legislação de Belize.

Gareth Johnson, um dos co-fundadores da ilha, contou também a CNN que o território irá disponibilizar passaportes e compra dos títulos de Lord e Lady da Islandia, por taxas menores do que as dos investidores –que devem ser no máximo 150.

Mesmo sendo nova, a ilha já passou por alguns momentos históricos. Meyer levou sua namorada para o território e a pediu em casamento, e em outra visita, ao tentar fazer a cerimônia de hastear a bandeira, a flâmula foi deixada para trás e desapareceu.

Nova novela

Conheça o elenco principal de “Poliana Moça”

Quanto Mais Vida, Melhor

Flavia/Guilherme se esconde no bar de Teca

Além da Ilusão

Davi pede desculpa a Isadora por tê-la beijado

Confira!

John Wick 2 e mais filmes e séries chegam nesta semana na Netflix