Os serviços de internet foram restaurados na Síria depois de aproximadamente 20 horas de uma interrupção que cortou a comunicação do país com o resto do mundo, informou a mídia estatal nesta quarta-feira.

De acordo com a agência de notícias Sana, um problema com um cabo de fibra ótica provocou a segunda grave interrupção dos serviços de internet na Síria desde novembro do ano passado.

Os sírios ficaram sem acesso à internet das 21h45 locais de ontem até aproximadamente as 17h de hoje.

Houve especulações entre dissidentes de que o governo teria propositalmente derrubado o acesso à internet, possivelmente para acobertar alguma ação militar, mas não havia notícias de nenhum ataque em grande escala nesta quarta-feira.

Os sites do governo na rede mundial de computadores também ficaram fora do ar. Os problemas na internet também afetaram os serviços de telefonia fixa entre as províncias sírias.

Empresas de tecnologia dos Estados Unidos e o Departamento de Estado norte-americano divulgaram a queda nos serviços na noite de terça-feira. As informações são da Dow Jones e da Associated Press.