O presidente da Rússia, Vladimir Putin, escreveu um artigo de opinião no The New York Times e afirmou que é alarmante que as intervenções militares em países estrangeiros quando estão em um conflito interno tem sido comuns.

O líder russo duvida que as intervenções são do interesse dos Estados Unidos a longo prazo. Além disso, Putin disse que milhões de pessoas ao redor do mundo cada vez mais veem os Estados Unidos como um país que confia apenas na força bruta e não mais como um modelo de democracia.

No artigo, publicado pelo jornal nesta quarta-feira, Putin reforçou que não há qualquer razão para acreditar que os rebeldes sírios não foram os responsáveis pelos ataques com armas químicas em 21 de agosto. O presidente russo acrescentou que apoia o esforço de entregar as armas químicas da Síria sob controlo internacional. Fonte: Associated Press.