O Estado Islâmico fez uma série de ataques à vilarejos em Mosul, no Iraque, neste sábado, segundo informações das forças de segurança. As forças do Iraque também atingiram os extremistas.

Os ataques ocorreram durante a madrugada em aldeias ao leste de Shirqat, a cerca de 70 quilômetros ao sul de Mosul. Aproximadamente 35 civis morreram e mais 30 ficaram feridos, de acordo com o hospital local.

Já o governo do Iraque informou que cerca de 150 militantes foram mortos em combates e ataques aéreos. Cinco membros das forças iraquianas morreram nos confrontos. “Foi um ataque que eles não esperavam”, disse Ali al-Dodah, prefeito de Shirqat, confirmando o número de militantes mortos. “Agora as coisas estão ficando sob controle”, disse.

Também neste sábado as tropas iraquianas mataram três homens que usavam um colete suicida e tentavam passar de barco pela barragem de Al-Othaim, na província de Diyala, a nordeste de Bagdá, de acordo com o escritório de mídia militar.

Ontem, ataques suicidas ocorreram na cidade sagrada de Karbala e Musayeb, com cerca de 21 mortos. Fonte: Dow Jones Newswires