Israel testou com êxito um sistema de defesa antimísseis projetado para proteger seu território de um eventual bombardeio, afirmaram fontes no Ministério da Defesa do país. A interceptação de um míssil falso nesta terça-feira (7) foi o mais recente teste do sistema de defesa Arrow, desenvolvido em conjunto por Estados Unidos e Israel. De acordo com as fontes, o sistema utilizado foi o Arrow II, adaptado para interceptar o míssil balístico iraniano Shehab. O Ministério da Defesa ainda não se pronunciou oficialmente sobre o assunto.

Israel considera o Irã seu principal inimigo e acusa a república islâmica de desenvolver em segredo um programa nuclear bélico que representaria uma ameaça à existência do Estado judeu. O Irã rejeita a acusação e assegura que suas usinas atômicas têm fins estritamente pacíficos de geração de energia elétrica. O projeto Arrow, desenvolvido em conjunto pela Israel Aircraft Industries e pela Boeing, ganhou impulso depois de o sistema de mísseis Patriot não ter conseguido interceptar os mísseis Scud iraquianos durante a Guerra do Golfo, em 1991.