Uma comissão do Senado italiano votou hoje pela cassação do mandato de senador do ex-primeiro-ministro Silvio Berlusconi, recentemente condenado à prisão por fraude fiscal. A decisão abre caminho para que a cassação do mais influente e controverso líder político italiano das últimas décadas seja votada pelo plenário do Senado. A expectativa é de que essa votação ocorra em meados de outubro.

A maioria dos 23 senadores aptos a votar decidiu pela perda de mandato, anunciou Dario Stefano, presidente da comissão.

Berlusconi não compareceu à sessão sob a alegação de que a comissão carecia de imparcialidade. Segundo ele, a votação faz parte de um complô político implementado por seus inimigos para o derrubarem.

A votação encerra uma semana turbulenta na qual o líder da centro-direita italiana recuou de uma tentativa de derrubar o governo do primeiro-ministro Enrico Letta depois de perder apoio em suas próprias fileiras. Fonte: Dow Jones Newswires.