O ministro das Relações Exteriores do Reino Unido, Boris Johnson, acusou nesta quarta-feira os membros da União Europeia de buscarem uma punição contra seu país pelo desejo britânico de deixar o bloco, no chamado Brexit. Johnson foi questionado sobre uma declaração do presidente da França, François Hollande, para quem o Reino Unido não pode esperar uma relação comercial melhor com a Europa uma vez que esteja fora da UE.

“Se Hollande quer administrar agressões punitivas para qualquer um que escolher escapar, mais no estilo de algum filme de Segunda Guerra, então eu não penso que esta é a maneira de seguir adiante e não acho que seja do interesse de nossos amigos e parceiros”, afirmou Johnson durante visita à Índia.

Porta-voz da primeira-ministra do Reino Unido, Theresa May, Helen Bower disse que o ministro estava apenas “expressando um argumento”. “Ele não estava de nenhuma maneira sugerindo que ninguém era um nazista”, disse a funcionária.

Líder do oposicionista Partido Liberal Democrata do Reino Unido, Tim Farron qualificou as declarações de Johnson como “grosseiras e ignorantes”. Fonte: Associated Press.