O secretário de Estado dos Estados Unidos, John Kerry, afirmou na noite de ontem que o governo do presidente Donald Trump deveria aceitar o convite da Rússia e comparece às negociações de paz da Síria na próxima semana.

Kerry, que participou de uma conferência de paz no Oriente Médio em Paris, afirmou que ele apoia o encontro negociado pela Rússia, Turquia e Irã a ser realizado no Cazaquistão em 23 de janeiro, e que “seria bom” ter um representante norte-americano lá.

“Espero que o próximo governo decida comparecer”, disse. “Acredito que seria bom que eles fossem”.

Para Kerry, a reunião deveria avançar em alguns pontos e caminhar no sentido da retomada das negociações em Genebra, que tentam produzir um governo de transição e uma eventual eleição na Síria. Kerry afirmou que as discussões em Astana, a capital cazaque, não são um substituto para as conversas de Genebra, que iniciaram em 2012. Fonte: Dow Jones Newswires.